sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

COMPARTILHAR VALORES FAZ DIFERENÇA!


As pessoas trabalham melhor quando estão buscando os mesmos objetivos. Quando os interesses ou esperanças diferem, a confusão geralmente é maior do que a produção e os resultados não correspondem aos esforços.


Aproveite o tempo para fazer com que as pessoas andem na mesma direção. Separar tempo para orientar e motivar as pessoas a buscar os mesmos objetivos é uma estratégia que se converterá em muito lucro. Você pode até iniciar um projeto ou ministério hoje, mas deve considerar que esta visão só se concretizará no futuro. Às vezes Deus fala aos líderes sobre coisas que pensamos serem para hoje, mas, na realidade, são eventos que Deus quer fazer acontecer no futuro. Nesse meio tempo, oriente seus liderados! Isso tornará qualquer projeto muito mais fácil de ser realizado, assim que o plano de Deus seja revelado.


Crie equipes.  Pessoas trabalham melhor quando têm alguém em quem possam se apoiar durante todo o processo! Os membros de uma equipe podem encorajar uns aos outros e se ajudarem a ultrapassar obstáculos. Isto também permite aos mais novos se envolver e ganhar experiência. Mais tarde, eles mesmos poderão se tornar os líderes de suas próprias equipes.


Explique sua visão constante e continuamente. A maioria das pessoas quer seguir a visão do líder. Isto é absolutamente necessário, tanto na empresa quanto na igreja. Visões contraditórias podem acabar com um avivamento numa igreja. “Uma visão” deve ser o tema de cada projeto da igreja. Quando as pessoas estão seguindo a visão do pastor, nem seus compromissos pessoais as impedirão de ir adiante.


Reconheça e recompense o progresso.  Demonstre alegria diante de cada sucesso de seus  líderes. Isto fará com que a congregação saiba que os líderes têm seu apoio e que tudo vai bem. Na verdade, tal reconhecimento é a merecida recompensa por sua dedicação ao trabalho. Muitos destes líderes são voluntários que deixam de dedicar tempo às suas famílias, empregos e outros interesses para servir junto ao seu ministério – sem nenhuma compensação financeira! Demonstre seu reconhecimento e recompense-os generosamente em todas as oportunidades.


Faça com que a igreja sempre se lembre de qual é a visão. É fácil para as pessoas perderem o interesse ou se desviar do alvo. Mantenha sua visão diante delas o tempo todo. Se for preciso, utilize recursos visuais, como cartazes e bandeiras, para lembrar a todos qual é a visão da igreja.

Autor desconhecido
Tradução e adaptação: Rev. Oslei do Nascimento


sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

NÃO FAÇA CALÚNIA!


‎A calúnia é a prima direta da fofoca. A calúnia envolve o assassinato do caráter e significa "falar abertamente contra alguém". O caluniador partilha descaradamente informações perigosas com quem quiser ouvir. Isto, porque ele se autonomeou juiz e condenador da reputação de outra pessoa. A calúnia pode ser incluída ao lado do assassinato, do adultério e do roubo. A calúnia pode arruinar o bom nome de outra pessoa.


A Bíblia nos adverte: "Irmãos, não faleis mal uns dos outros. Aquele que fala mal do irmão ou julga a seu irmão fala mal da lei e julga a lei; ora, se julgas a lei, não és observador da lei, mas juiz. Um só é Legislador e Juiz, aquele que pode salvar e fazer perecer; tu, porém, quem és, que julgas o próximo?" (Tiago 4:11).


O caluniador pode tentar defender suas palavras com a desculpa: "Mas é verdade!". Todavia, somente porque alguma coisa é verdade, isso não significa que deva ser dita. A calúnia pode ser verdade dita com a intenção de magoar outra pessoa. Não faça calúnia. Você estará chamando o julgamento de Deus sobre a sua vida.


Robert Jeffress, em Os Segredos de Salomão.