quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

SIMPATIAS E PROMESSAS DE ANO NOVO


Nesta época do ano, ansiosas por dias melhores, não são poucas as pessoas que apelam para as simpatias e as promessas. Simpatias são rituais de origem popular, praticados para a obtenção de algum resultado através de rezas, sinais, drogas e preceitos. Os procedimentos das simpatias variam bastante, desde os mais simples até os mais complexos. Pular sete ondas, comer lentilhas, usar roupas de determinadas cores, escrever nomes em tecidos e enterrar fotos são exemplos.


Nós não devemos ceder a essas superstições! Apesar de parecerem inofensivas, as simpatias são pecado perante Deus. Os adeptos destas práticas afirmam que elas são o resultado do olhar de feiticeiros e curandeiros. Quanto a isso, a Bíblia nos adverte: “Não permitam que se ache alguém entre vocês... que pratique adivinhação, ou dedique-se à magia, ou faça presságios, ou pratique feitiçaria ou faça encantamentos; que seja médium ou espírita ou que consulte os mortos. O Senhor tem repugnância por quem pratica essas coisas” (Dt 18:10-12). Confiemos a Deus toda nossa vida, como cantamos: “Porque ele vive, posso crer no amanhã/ Porque ele vive, temor não há/ Mas eu bem sei, que o meu futuro/ Está nas mãos do meu Jesus/ Que vivo está”.


Já as promessas são também chamadas resoluções. Não é errado resolver mudar alguma coisa na vida, especialmente se for para o bem! As resoluções podem ser passar mais tempo com a família, perder peso, pagar dívidas, aprender algo novo e coisas assim. Muitas dessas promessas, porém, viram piada por serem logo esquecidas. Mas uma promessa é um voto, e a Bíblia nos ensina: “Quando você fizer um voto, cumpra-o sem demora, pois os tolos desagradam a Deus; cumpra o seu voto. É melhor não fazer voto do que fazer e não cumprir” (Ec 5:4-5).


E devemos evitar as promessas que objetivam apenas satisfazer nossas vontades ou prejudicar alguém. Tais desejos não podem nos dominar. O apóstolo Paulo escreveu: “Finalmente, irmãos, tudo o que for verdadeiro, tudo o que for nobre, tudo o que for correto, tudo o que for puro, tudo o que for amável, tudo o que for de boa fama, se houver algo de excelente ou digno de louvor, pensem nessas coisas” (Fp 4:8).


Esqueçamo-nos das resoluções egoístas e mesquinhas e pensemos nisto: “Quem quiser amar a vida e ver dias felizes, guarde a sua língua do mal e os seus lábios da falsidade. Afaste-se do mal e faça o bem; busque a paz com perseverança. Porque os olhos do Senhor estão sobre os justos e os seus ouvidos estão atentos à sua oração, mas o rosto do Senhor volta-se contra os que praticam o mal” (1 Pe 3:10-12). Desejo a você um feliz 2012, em nome de Jesus!

Rev. Oslei do Nascimento

Nenhum comentário: